Playlists #1 - Reflexão e concentração.


Essa é uma das diversas playlists que desfruto no meu cotidiano. Não só de música eletrônica componho meu arsenal musical. Para melhor compreensão confesso ser eclético, porém todos temos algo preferencial e referencial para se identificar e no meu caso é EDM (Electronic dance music). 

Eu seria cru caso não explorasse a beleza e a pureza de outros ritmos, digo ritmos de verdade, não ritmos de moda. Costumo usar essa playlist para escrever ou descansar a mente e se duvidar, até dormir. Não consigo meditar sem música, é uma ótima forma de entronizar com o momento presente. Se você busca algo agitado, sinto-lhe informar mas não é essa playlist. Exclusiva de canções ao som do piano.


Reflexão de Final de Ano

Faz 2 anos que iniciei uma vida mais simplificada e reflexiva. Eu gosto de fechar o ano com uma reflexão sobre o meu ano que está acabando. Acho que é para aprofundar o aprendizado que eu fiz e isso me faz mais capaz de apreciar o poder de um ano. 

Algumas pessoas preferem que o ano acabe rapidamente, para chegar ano novo e "reiniciar suas vidas", sendo que ainda há o que aprender e fazer muitas coisas boas no atual.

Refleti um pouco no meu último ano neste post , mas antes disso, passei cerca de uma hora de escrever uma entrada de diário em 2015.

Foi uma grande prática. Para refletir muito sobre o ano, eu tinha que lembrar de tudo sobre o ano. 

Alguns grandes acontecimentos para mim este ano:

Viagem para Belém-PA - Talvez seja a melhor forma para minha familiar relaxar. Viver esses momentos, em lugares desconhecidos, descobrindo novas paisagens, gostos, experiencias, etc. É muito bom poder presenciar o sorriso de quem amamos. Sair um pouco da realidade, com responsabilidade é claro (não podemos esquecer dos problemas e das pendencias), é uma ótima maneira de refletir e curtir o momento presente.

Lugar na Hackthon - Hackday -  Hackathon significa maratona de programação. O termo resulta de uma combinação das palavras inglesas “hack” (programar de forma excepcional) e “marathon” (maratona). Aqui nasceu minha primeira Startup, a "PAGUEI!", uma ideia para um futuro aplicativo financeiro. Foram 3 dias de desenvolvimento, Brainstorming, trabalho em equipe e competitividade. Nunca aprendi tanto em 3 dias, nunca bebi tanto café também, a garrafa era esvaziada e completada novamente de 30 em 30 minutos. Esse foi um marco na minha vida, percebi que programar é um novo hábito em minha vida, e melhor ainda é ser desafiado pelos problemas do cotidiano e propor soluções criativas e inovadoras.

50% da graduação - É muito prazeroso chegar na metade do curso (faço sistemas de informação), olhar para trás e perceber que você absorveu 90% de todo conhecimento ministrado pelos professores (Os outros 10% foi a cadeira de metodologia). Que venha os demais períodos, estou como sede desse conhecimento e quero repassar esse conhecimento.

4º Minha irmã está falando demais - E isso é muito bom, é maravilhoso! Para quem não sabe, a Carol tem síndrome de down. Para alguns isso é um empecilho na vida, para mim, é uma oportunidade de viver a vida mais intensamente, com mais carinho, compaixão e amor no olhar de quem ver a vida de forma tão pura e simplificada. Sim, carinho, compaixão e amor, são palavras chaves para minha irmã. Do começo do ano até o momento atual, ela aprendeu muito, desde ler, se expressar melhor, dialogar melhor e escrever que é seu grande desafio. E se tem algo que aprendi com ela, foi que apesar das dificuldades, ela nunca deixou de sorrir.

Encontrei um amor - A vida me surpreendeu em 2016. "Deus, com certeza tem mão do senhor nessa historia". Bom, estou vivendo um ótimo relacionamento, é a primeira vez que termino o ano com alguém e a sensação é ótima. Sei que estou feliz e que me sinto no lugar onde eu deveria estar, ao lado dela. Uma das melhores escolhas que fiz foi pedi-la em namoro. 

Ganhei uma segunda família - Confesso que a vergonha cedeu lugar para o carinho. O dia em que visitei a casa da minha namorada, conheci minha segunda família. Meu mais sincero agradecimento a Dona Katia que me tratou tão bem. Amo seu pudim! 
Quero poder manter uma relação reciproca tratando-os da melhor forma, afinal, É minha nova família. Sentir-se acolhido é incrível, pude sentir o ar de felicidade e bem estar naquela casa. 

Comecei a estagiar - Enfim, trabalhar e ganhar experiencia é muito bom. Receber o investimento do seu esforço também é ótimo. A melhor parte do meu trabalho é ter uma equipe incrível no meu cotidiano, somando e agregando valor. Os desafios surgem repentinamente e sempre oferecemos o melhor. Agradeço também a todos vocês.


Projeto pratico - A melhor forma de colocar em pratica o que venho aprendendo na graduação. O bom é que tive uma equipe maravilhosa também para desenvolver. Essa é uma disciplina do curso, onde uma problemática é proposta as equipes e temos um espaço de tempo para encontrar e desenvolver a solução. Desta vez, o desafio foi automatizar todo o processo do sistema manual de apoio ao discente da instituição. A parte que eu mais gosto foi a que menos participei, da programação, hehe, acho que fiquei feliz como analista de sistemas kk.


Esta prática me ajudou a ver o que eu fiz ao longo do último ano, e o que me surpreende. Eu nunca teria imaginado que eu teria feito tudo isso, sendo que resumi aqui, eu não planejei isso.

Eu também pude ser capaz de ver como eu mudei ao longo do ano. Em pequenos passos, eu me tornei uma pessoa diferente. O Marcos de um ano atrás gostaria de ser meu amigo, eu acho.

Eu recomendo esta prática no final do ano, como uma maneira de fechar o ano e dizer adeus a tudo o que você passou. Apreciar o que foi bom e arquivar o que foi ruim.



O caminho da coragem


Quanto mais eu estudo e trabalho com pessoas que estão lutando com hábitos ou problemas da vida, mais eu vejo como os medos estão segurando-os.
Medos impedem a construção de hábitos saudáveis ​​e produtivas. Medos nos levam a adiar tarefas, impede de encontrarmos trabalho, os quais achamos significativo (ou de fazer esse trabalho, se nós o encontrarmos). O medo impede de encontrar amigos e  de conectar com as pessoas em um nível mais profundo.  O medo inibe a capacidade ser feliz a cada momento.
Subjacente a todos esses medos, alguns são medos fundamentais:
  • O medo do fracasso ou estar despreparado
  • Medo da incerteza
  • Medo de ser inadequado ou ser rejeitado
Os dois medos principais são os da incerteza e "não ser bom o suficiente", e na minha experiência, ambos são a mesma coisa. Temos medo do futuro incerto (e situações incertas) porque nós não pensamos que somos bons o suficiente para lidar com o que pode sair do caos, uma consequência negativa digamos.
Estes dois medos (de incerteza e inadequação) afetam nossas vidas de tantas maneiras, e ainda assim raramente os enfrentamos. Não quero sentir esses medos, então corremos, fugimos. Buscamos distrações. Ficamos ocupados em vez de enfrenta-los. Encontramos conforto em alimentos, fumo, álcool, redes sociais e TV.
No final, correr não funciona, só piora as coisas.
Há uma alternativa: o Caminho da Coragem .

Três chaves para o desenvolvimento Destemido!

O que seria de nossas vidas se alguns medos não estivessem nos segurando?
Nós poderíamos encontrar a liberdade e a alegria que está presente a cada momento.
Poderíamos ser capazes de viver, finalmente, a vida que sempre quisemos viver.
Então, como vamos trilhar este caminho de Coragem? Como ser destemido? 
Vou citar três práticas para trabalhar:
  1. Enfrentando o medo conscientemente . A verdade é, raramente nos permitimos sentir nossos medos. Nós fugimos deles, fingimos que eles não estão lá, buscamos distrações chicotear a frustração em outros, tentando encontrar o controle. Mas nem sequer admitimos que temos estes receios, na maioria das vezes, muito menos realmente permitirmos sentir-los. Assim, a prática é apenas sentir quando você percebe-se sentir qualquer medo, e veja se você pode ficar com ele por algum tempo. Não fique com a história, (que possivelmente causou o medo), em sua cabeça, mas sim como ele se expressa em seu corpo. Veja que é estressante ou dolorosa ou desconfortável. Observe a sensação física particular deste medo, desta vez. Ver se ela muda. Veja o que você pode aprender sobre isso.Veja se você pode ser compassivo com isso.
  2. Vendo a sua bondade subjacente . Enquanto nos sentamos em meditação, podemos ver que este momento é realmente muito maravilhoso, pelo simples fato de você entender os gatilhos do seu medo e perceber o quanto ele é desnecessário. Nós somos parte da bondade incondicional de cada momento, e se ficarmos concentrados, podemos começar a sentir isso. Há bondade em nossos corações, o tempo todo, se nos permitimos sentir. Existe a possibilidade de apreciar e admirar, sentir e amar, estar presente e ser grato. Comece a apreciar isso, e você vai começar a desenvolver a confiança que faltava, que você vai ficar bem, mesmo na incerteza, mesmo se você estiver sendo julgado, mesmo se você se colocar lá fora, com vulnerabilidade, você vai sentir-se seguro. 
  3. Abraçando a alegria de improcedência . Do meu ponto de vista, a incerteza é assustadora porque não gosto da sensação de não ter um terreno estável sob meus pés, você já se sentiu assim? Queremos segurança, controle de estabilidade, permanência ... mas a vida é cheia de incertezas, impermanência, tremores, caos. Isto faz com que o medo aflore. Mas em vez disso, podemos começar a abraçar esta incerteza, ver a beleza na impermanência, consulte a positividade da falta de fundamento. Essa incerteza significa que não sabemos o que vai acontecer, o que significa que pode ser surpreendido por cada momento! Podemos ser preenchido com curiosidade sobre o que vai surgir. Nós podemos nos reinventar a cada momento, porque nada está definido, nada é determinado. Há alegria nesta falta de fundamento, abrace, de repente pode um amor, o bom trabalho, uma boa aquisição, um bom momento. Tive o prazer de ter essa alegria no amor, vencendo a incerteza e possíveis medos. Encontrei alguém que hoje me completa e soma na minha vida. Assim como eu venci a incerteza, ela também venceu. Hoje vivo um ótimo relacionamento, porém esse é um assunto para outro texto!
Sei que não é fácil, estas dicas não são práticas fáceis. Mas você pode praticar aos poucos agora, e reserve alguns minutos cada manhã para praticar. Você vai ver a sua confiança surgir, seus medos se dissipar um pouco, a sua capacidade de apreciar cada momento crescendo.
O Caminho da Coragem não é impossível, porém merece uma atenção plena. Já dizia Augusto Cury, "Não há céu sem tempestades, nem caminhos sem acidentes. Não tenha medo da vida, tenha medo de não vivê-la intensamente."

Uma carta sobre compreensão e compaixão.


Confesso, as vezes não tenho sido tão compassivo com as pessoas como gostaria.

Muitos de nós experimentamos isso: julgar rapidamente as ações das pessoas, ficar frustrados com a forma como outras pessoas agem ou julgar pessoas que têm crenças diferentes.

A maioria de nós nem sequer percebe quando estamos fazendo isso. Achamos que estamos no direito de julgar os outros, como se fosse um aviso de precaução ou uma dica de momento, ou uma crítica construtiva, mas não percebemos a forma como isto pode chegar a quem falamos.

Neste texto, eu gostaria de falar sobre como ser mais compreensivo e depois como ser conscientemente compassivo em uma base diária. Claro, eu sou tão culpado de ser crítico e menos-que-compassivo como qualquer outra pessoa, então eu não quero dar a impressão de que eu estou acima de ninguém. Eu não estou! As vezes me considero arrogante, mas busco não ser.

Relatar isto é importante: quando estamos julgando, machucamos nossos relacionamentos com os outros, ficamos frustrados e as vezes infelizes. Podemos dissolver tudo isso, e ser mais feliz e amorosos com outras pessoas e nós mesmos.

As noções básicas de ser compreensivo.

Quando estamos nos sentindo frustrados com os outros, quando percebemos a nós mesmos julgar os outros ... podemos usar isso como um sinal de que é hora de tentar compreendê-los em seu lugar. 

Nós julgamos as pessoas o tempo todo:

  • Eles estão agindo mal, por isso estamos frustrados(zangados, chateados, "bolados"), com eles.
  • Eles comem de forma diferente do que nós, por isso acho que eles estão errados.
  • Eles vivem de forma diferente do que nós, por isso acho que eles são errados.
  • Eles têm diferentes pontos de vista políticos do que nós, por isso acho que eles estão iludidos.
  • Eles estão acima do peso, pobre, tem uma religião diferente, falam mal, se vestem mal, estão em seus telefones o tempo todo, tirando muitos selfies, falando muito de sexo, são muito exibidos, tiram fotos se mostrando, etc. etc.
Nós não reconhecemos tudo isso como sendo crítico/julgamento, mas é. Então, quando nós estamos fazendo isso, vamos usá-lo como um sino de plena consciência.

Aqui está o que você pode fazer quando a campainha soar na sua mente:


  • Procure compreender. Em vez de ter uma opinião instantânea sobre alguém, desafie-se a ser curioso desta vez. Veja se você consegue compreender a pessoa ao invés de pensar que ela está errada. Se estamos julgando alguém, não estamos tentando entende-los. Nós temos uma falta de conhecimento do que está acontecendo com a pessoa, e consequentemente do porque estamos sendo críticos.

  • Pergunte-se, - o que eu faria nesta mesma situação? Tente explicar o comportamento da outra pessoa como se você estivesse no lugar dela. 

Há uma explicação que faz a outra pessoa parecer imprudente, ignorante, errada, porém há aquela que assume que a outra pessoa tem bom coração e boas intenções. Isso nem sempre é fácil, mas se alguém está fazendo algo irritante, podemos assumir que eles estão apenas tentando ser felizes. Quando alguém ataca ou repele você, ele(a) pode estar passando por medo. Podemos assumir que esse medo significa que ele(a) quer proteger seu tenso coração. Imagine que uma garota é fria demais, você pode julga-lá como insensível ou orgulhosa; mas pouco sabe o que aconteceu no passado dela. Há sempre uma maneira boa para explicar uma ação, mesmo que nós pensemos como mal. Não temos que tolerar a ação obrigatoriamente, mas podemos ver o coração terno (o afeto, a suavidade), que se encontra por baixo.


  • Lembre-se como é passar por essa dificuldade. Nós todos experimentamos o medo, a frustração, a ansiedade, a incerteza; fugindo sempre do desconforto. Se vemos o bom coração, a intenção por trás da ação, podemos ver a dificuldade que está se passando com essa intenção. E podemos lembrar como é ter uma dificuldade semelhante.

Uma vez que começamos a compreender a pessoa e suas ações, consulte o bom coração por trás das ações, crie empatia com a dificuldade ... agora podemos começar a oferecer compaixão.

Um método simples de Compaixão.
Se você pode simpatizar com as dificuldades da outra pessoa, então você pode oferecer-lhes compaixão:

  1. Se eles estão sofrendo dor ou estresse, você pode simplesmente desejar um fim a essa dor ou stress.
  2. Você também pode desejar que eles sejam felizes.
  3. Você pode até mesmo enviar o amor do seu coração para o deles.
Você apenas precisa mostrar que eles são compreendidos, que eles tem em quem se apoiar, alguém que não está ali para criticar, mas para ouvir e cuidar.

Descobri que o mais alto grau de paz interior decorre da prática do amor e da compaixão. Quanto mais nos importamos com a felicidade de nossos semelhantes, maior o nosso próprio bem-estar. Ao cultivarmos um sentimento profundo e carinhoso pelos outros, passamos automaticamente para um estado de serenidade. Esta é a principal fonte da felicidade.
Dalai Lama

Um guia rápido de partida, se você está lutando para startar


Para quem não conhece o termo Startar, significa dar start ou iniciar. Usamos muito na tecnologia e informatica. Agora voltando ao assunto. Eu conheço um monte de pessoas que caem em uma recessão, ou prisão, que as levam a perder alguns hábito como de exercitar-se. Acabam procrastinando com o trabalho ou estudos, entram em uma dieta ruim,  e geralmente não se sentem motivados.

É difícil sair de uma queda como essa.

É difícil para começar de novo,  quando todas as forças da inércia estão contra você.

Veja como começar, em apenas algumas etapas fáceis.

  1. Escolher uma coisa . Escolher apenas uma mudança. As pessoas que querem mudar suas vidas normalmente querem mudar tudo de uma vez. Mas, acredite em mim, uma mudança é suficiente para agora: ir para uma curta caminhada, fazer algumas flexões, coma uma fruta no café da manhã, faça um diário de 5 frases todas as manhãs. Não todos estes, basta escolher um! Escolher outra para o próximo mês.
  2. Enviar a um amigo um e-mail . Apenas um rápido e-mail, pedindo ajuda. Diga-lhes que você está caindo, mas você vai fazer uma alteração. Peça-lhes para mantê-lo responsável - se você não fizer o que você prometer todos os dias durante um mês, você deve a eles algo grande (ou embaraçoso), eu costumo pagar uma rodada de lanche, e meus amigos não costumam comer pouco, ou seja, pesa no bolço hehe.. Torne isso algo poderoso, então você definitivamente não vai permitir-se a falhar.
  3. Prometer fazer algo ridiculamente fácil . Diga ao seu amigo que você vai fazer alguma coisa todos os dias - mas algo super fácil. Mais uma vez, ir para uma caminhada de 5 minutos. Fazer apenas alguns flexões todas as manhãs. Faça um diário de apenas 5 frases a cada dia. O mais fácil é melhor. Você vai perceber que é tão fácil que você não conseguirá dizer não.
  4. Criar lembretes imperdíveis . Coloque um enorme sinal de algum lugar que você não vai perdê-lo. Lembretes no seu e-mail, calendário, telefone, no carro... Pergunte às pessoas ao seu redor para lembrá-lo. Colocar uma faixa de borracha em torno de seu pulso. Não se deixe esquecer!
  5. Construir a confiança com um único passo . Todos os dias, você só precisa dar um passo. Basta escrever uma frase em seu diário. Basta fazer uma flexão ou pose da ioga. Basta ler apenas uma pagina do livro, ou o resumo de um capitulo do livro. Quando você dar esse passo, fazê-lo conscientemente e com gratidão e alegria. Sorria! Aproveite essa pequena vitória. Com este passo, você está construindo confiança em si mesmo. Quando você se vê querer colocá-lo fora, fazer uma pausa. Respirar. Ficar com o desejo de fugir, mas não se deixe correr. Sorrir, e fazer o hábito de qualquer maneira.

Com cada passo, você vai se sentir melhor. Quando terminar essa etapa, tome a próxima. Você vai confiar em si mesmo mais e mais, e, eventualmente, você vai ser capaz de adicionar um outro pequeno hábito, depois outro no mês seguinte. E logo você estará a todo vapor, feliz, você está se movendo em uma boa direção, sorrindo com gratidão com todas as coisas boas que você está fazendo para si mesmo.

Decluttering, o hábito de executar tarefas sem deixar vestígios.



Quantas vezes perdi um tempo precioso finalizando restos de tarefas não completas durante o dia. Quando você faz algo, complete e não deixe nenhum vestígio. Isso permitirá que você vá para a próxima tarefa sem estar preso a anterior. 
Essa é a proposta do decluttering, ou seja, eliminar a bagunça!

  • Terminou de comer, lave seu prato.
  • Terminou de estudar, arrume a mesa e deixe tudo no seu devido lugar.
  • Coloque a roupa no cesto se estiver suja ou pendure caso esteja limpa.
  • Arrume sua cama quando acordar.
Na pratica isso significa que você deve estar consciente da tarefa, de finaliza-la e estar indo para a próxima tarefa. Eu sou um exemplo disso e acredito que a maioria das pessoas, corre de um lado para o outro sem pensar na transição de uma tarefa para outra, mas quando você percebe esse momento de transição, entende que é um bom espaço para apreciar e respirar, no caso, o momento presente, facilitando enxergar as pequenas coisas que se deixa pelo caminho que acumulam e te atrapalham futuramente ao longo da vida.

Os efeitos são simples e incríveis: 

  • Você não vai ter uma enorme bagunça para limpar depois.
  • As coisas ficam claras, isso ajuda você a ter paz. (Exemplo, já esqueceu se trancou o carro ou a porta de casa? Onde será que deixei algo?), as ideias do que você fez ficam claras.
  • Sua vida não se torna confusa.
  • Você tem uma pause entre as tarefas, fazendo um feedback de como você está fazendo e o que você realmente quer fazer em seguida.
Como criar este hábito? Recomendo fazer os seguintes passos:

  1. Coloque pequenos lembretes onde você vai vê-los, sulfites, amo sulfites. Coloque com algo que chame sua atenção, uma rosa na mesa, que tal? Estas podem ajudar a você lembrar de limpar depois!
  2. No primeiro dia, foque total em perceber as tarefas que está fazendo, não deixe no automático, mas esteja presente na execução, seja do trabalho, acadêmica ou pessoal.
  3. Quando estiver fazendo uma tarefa, faça uma pausa. Avalie como você está fazendo a tarefa, se está focado consciente nela ou está pensando na próxima tarefa, em qualquer coisa menos na tarefa presente.
  4. Sempre faça um wipe pós tarefa, uma limpeza mesmo, seja arrumar a bagunça, arquivar documentos ou jogar coisas desnecessárias fora. Sempre esteja otimizando. Isso evitará acúmulos consequentes por postergar tarefas. 
  5. Respirar e sorrir (ツ)   
Você vai esquecer, muitas vezes e isso é normal, apenas tente lembrar o mais rápido possível colocando lembretes no Smartphone Google Keep, Evernote, nos notebooks e Pc's usando o calendário sincronizado com o Smartphone ou usar lembretes físicos mesmo como pochetes.
Você eventualmente vai lembrar mais, aos poucos esse hábito vai melhorando e no processo de aprender sobre o hábito e  ter atenção plena.

Cyanogenmod no Moto G Titan e Thea


A Cm é sem dúvidas a melhor opção de rom para quem gosta de desfrutar da fluidez, leveza, customizações e liberdade no Android.

Vou explicar o mais simplificado possível o método de instalação. Faço rotineiramente modificações no meu Moto g e afirmo que é seguro, todavia fazer qualquer procedimento fora do padrão, pode acarretar danos irreversíveis.

A técnica de enfrentar tudo, evitar dificuldades não funciona.


Nós somos, todos nós, incríveis em evitar coisas.
Nossas mentes são menos "pensantes" do que são "hesitantes." E o mais incrível é que não são cientes de que estamos evitando pensar sobre ou fazer algo.
Vou te dar alguns exemplos:


  • Agora você está lendo este artigo, mas, provavelmente, evitando a coisa difícil que você não quer pensar. 
  • Estamos constantemente verificando mensagens, notícias, feeds, notificações ... para evitar fazer algo que não quer enfrentar, eu mesmo já passei horas no Facebook ao invés de estudar para uma prova ou no whatsapp conversando para esquecer das tarefas que eu deveria fazer. 
  • Quando estamos enfrentando dificuldades na vida, tentamos nos dizer que está tudo bem, porque (preencher o espaço em branco, vazio), ou se ocupando com alguma atividade ou entorpecimento agente (como o álcool, drogas em gerais), de modo que não tenhamos que enfrentar as dificuldades. Quando surge um problema, nossa reação é querer ir fazer outra coisa, concordam?  
  • Adiar um exercício, porque caminhar é precedido da preguiça, é desconfortável, ficar na cama é bem melhor.
Existem milhares de outros exemplos, todos os dias, surgem e nós nem percebemos, porque nossas mentes mudam para pensar em outra coisa.
Tente parar agora e tire um minuto para pensar nas dificuldades que você está tentando evitar... talvez seja pedir desculpa para alguém, ou tomar qualquer tipo de iniciativa. 

Tudo o que você precisa, você já tem.

Este é um ditado Zen que pode ser traduzido em um número de maneiras, tudo a ver com o contentamento . Mas o meu favorito é a tradução:

Tudo que você precisa, você já tem."


Eu acho que é uma maneira tão bonita de olhar a vida.
Como você está aqui lendo este post, faça uma pausa e inicie uma avaliação da sua vida agora. As possibilidades são, você tem comida suficiente, roupas, abrigo e outras necessidades básicas em sua vida. Você também pode ter entes queridos, as pessoas que se preocupam com você. Você é (principalmente) confortável, sem quaisquer necessidades desesperadas. Tudo que você precisa, você já tem.
E, no entanto, não vemos a vida desta forma ... estamos insatisfeitos, à procura de mais conforto, mais amor, mais conhecimento, mais certeza, mais posses, mais comida, mais entretenimento, mais validação dos outros. Eu faço isso também - não estou criticando. Nós muitas vezes não incorporamos a ideia de que nós já temos o suficiente.

Remover Malware com AdwCleaner

Todos nós já fomos vitimas de Malwares na internet. E é algo que nem sempre podemos evitar por mais cuidadoso sejamos.

Muitos antivírus e programas de desinstalação podem lidar com barras de ferramentas do navegador e outras crapware/malware, mas às vezes, mesmo que eles não possam desinstalar todas as peças. AdwCleaner é um programa portátil que encontra cada último bit de crapware/malware no seu sistema, com apenas um clique.
Apenas iniciá-lo e clique no botão Procurar para analisar o seu sistema. Ele vai mostrar-lhe um arquivo de texto com tudo o que ele analisou que seja prejudicial ao seu pc e então você pode clicar no botão "Excluir" para removê-lo de uma só vez. 
Para baixar, é só clicar aqui.

3 passos simples para sua produtividade melhorar.

Eu tentei ler livros inteiros sobre a produtividade, auto ajuda e entre outros métodos, dezenas de posts, e implementar uma meia dúzia de diferentes sistemas de produtividade, estudos, organização de tarefas. Mas no final do dia, eu nada consegui fazer, nada de importante foi feito.

A verdade é que a produtividade é bastante simples, na teoria, e era isso que eu não entendia. Mesmo se você tiver uma quantidade enorme de afazeres, os passos não são difíceis de descobrir e nem tão complicados de implementar, você precisa fazer da sua escolha, um tiro perfeito, no alvo:
  1. Escolha algo importante e essencial para trabalhar (uma tarefa do seu projeto mais importante), escolha seu alvo, no meu caso são cases e paper da faculdade, então um de cada vez será meu alvo, mas e você? Pode ser uma tarefa do escritório, uma tarefa caseira que está atrasada talvez. O que você escolhe realmente não importa, calma, não entenda mal, digo isso porque você vai ter o resto em breve, as demais tarefas não são descartadas, ficam apenas na fila de espera. 
  2. Concentrar-se exclusivamente nessa tarefa, nem que seja um pouco, terminá-la se você puder.
  3. Escolha outra tarefa importante depois disso, e repita. A repetição ajuda a atitude, a ação, se tornar um hábito.

E, claro, fazer pausas. Andar poraí. Fazer ioga, musculação, caminhada ou correr. Meditar. Comer algo saudável ou uma gordice (não recomendo). Socializar. Mas quando você está indo para o trabalho, o foco tem que ser em algo importante, e tente fazê-lo. Você pode pensar que você tem muito o que fazer, mas na verdade, tudo que você realmente pode fazer é se concentrar em uma coisa de cada vez.
Então, se é tão simples, que está ficando no caminho? 
Essa resposta, continuo em outro post. Tive que viajar e descansar corpo e mente para as ideias fluírem, fico feliz de estar voltando a escrever. Estou em Recife - PE, e muito feliz por tirar um momento prazeroso com minha família. De fato isto causará um impacto positivo no decorrer de 2016. Estava com saudade de todos. E ainda está semana, estarei escrevendo a continuação desse post. Abraços amigos. Acompanhe-me no meu Instagram @marcosaquinojr.



O Momento presente - Viva o agora!


Sabe o momento presente? Como você tem lidado com ele? Você tem sido amigável?
Eu aprendi recentemente sobre essa ideia e tenho trabalhado com este pensamento, tentando coloca-lo em pratica e acho que é útil quando estou me sentindo apressado, distraído, preocupado, chateado, frustrado, ansioso, triste ou irritado.
Vamos pensar um pouco sobre o Momento Presente como uma pessoa amada ... E:

Perceba que quando estamos na escola e no trabalho pela manhã, nos primeiros horários, já estamos pensando no lanche das 10h,depois no almoço, depois naquela atividade de lazer a tarde, no filme a noite, na noitada, na viagem amanhã, no sapato que quero comprar, no carro do vizinho, no namorado(a), no crush talvez, enfim. Pensamos em tudo, menos no momento presente.
  • Nós mal prestamos atenção a ele, pensando em vez disso que nós temos que fazer mais tarde, as coisas que estamos preocupados, deixando para amanhã etc.
  • Se é chato ou desconfortável, temos o hábito de afastar-se dele e ir para distrações, rejeitando o momento presente. 
  • Julgamos como bom ou mau, agradável ou desagradável, e não gostamos se ele não está se comportando da maneira que queremos.
  • Nós não aceitamos como ele é,  estamos preocupados com o que estamos perdendo, com esse pensamento "acho que deveríamos estar fazendo outra coisa."
  • Quando estamos chateados ou frustrados, é porque temos uma história correndo em nossas cabeças, ao invés de dar atenção para o momento presente na frente de nós.
Imagine um ente querido que você não presta atenção, que você rejeita e julga como algo indigno, que não aceita como são, que você ignora, mesmo quando eles estão sentados bem na frente de você. Isso provavelmente não seria um grande relacionamento.
Claro, o momento presente não é uma pessoa com sentimentos, por isso, não deve se preocupar tanto sobre isso, certo? Talvez, mas o que eu venho descobrindo é que o desenvolvimento de um bom relacionamento com o momento presente leva a menos stress, mais paz e contentamento, e um melhor relacionamento com todos os outros na minha vida, inclusive meus amigos.
O que podemos fazer para desenvolver esse relacionamento melhor com o momento presente? Tratá-lo com respeito é fundamental, e dar-lhe a atenção que merece. Afinal de contas, assim como com a nossa relação com qualquer outra pessoa - temos tempo para passar com ele limitados, e uma vez que o tempo é para cima, não podemos obter qualquer mais.
Algumas ideias:
  • Tente ficar com o momento presente mais tempo ... 
  • Volte quando você se distrair.
  • Estar interessado e curioso sobre o presente momento, aberto a qualquer coisa que surja, sem a necessidade de que seja de uma certa maneira.
  • Ser menos crítico e tenha mais aceitação - experiências não são necessariamente "bons" ou "ruins", mas apenas digno de sua atenção e interesse.
  • Quando você encontrar-se querendo ir para distração, ou se pegar em uma história, pensando sobre algo, tente voltar para o momento presente, e apenas prestar atenção ao momento de mudança.
  • Quando as coisas são desconfortáveis, ficar. Em vez de correr, esteja para o momento atual desconfortável, com amor e gentileza.
  • Observe que quando você está constantemente vagando, volte e fique.
Você pode notar uma transformação instantânea de seu relacionamento com o momento presente, onde você está mais aberto, curioso, aceitando, e atencioso. Isso pode ser transformadora, em todas as áreas de nossas vidas.
Ou pode ser mais de uma mudança gradual, em que a sua confiança no momento atual cresce ao longo do tempo.
De qualquer maneira, o que você vai encontrar é que você também está a desenvolver um melhor relacionamento com você mesmo. E tudo ao seu redor, o tempo todo.

7 coisas básicas para iniciar 2016 produtivo.


É o início de um novo ano, e como eu, você está cheio de otimismo, hehe!

Um ano novo é como um carderno em branco, e você pode preenchê-lo com o que você quiser!

Infelizmente, a maioria das pessoas fazem um monte de resoluções e, em seguida, deixam fracassar até o final do primeiro mês. Como podemos superar isso, e manter a nossa motivação ao longo do ano para torná-lo tão impressionante como pode ser?

Não é uma formula secreta absoluta, mas são algumas idéias para você considerar. Você não tem que fazer tudo isso, mas escolher duas e mais importante, colocá-las em ação!